domingo, 21 de novembro de 2010

Vou deixar a porta aberta

Ahh, se você me disser que não me ama mais, se disser que não se importa, eu estarei dizendo que é tudo mentira, porque eu sei que você ainda me ama do mesmo jeito que antes, assim como eu também te amo.

Assim como eu, tenho certeza que você se lembra das nossas músicas, dos nossos momentos, das nossas loucuras... Outra pessoa não vai me substituir na sua vida , assim como ninguém substituirá você na minha.

Os rumos estão se tornando diferentes, mas o sentimento eu sei que é o mesmo, e nada nesse mundo me fará mudar de idéia! Eu te amo muito, e ainda que você esteja com outra pessoa, eu tenho certeza que ainda sonha comigo e que lembra de tudo que a gente passou. Eu não sei como nem o porque, uma coisa tão simples se torna tão complicada, mas tenha certeza de uma coisa: eu posso te fazer feliz como ninguém jamais faria!

Você não vai me esquecer!! Eu não vou deixar!!!

Quando você tentar me esquecer eu vou estar nas palavras dos poemas que você ler, eu vou estar na brisa fria do final da tarde, eu estar em cada canto do seu quarto e das suas lembranças, vou estar na tela do seu computador, em seus sonhos... quando você tentar me esquecer eu vou estar em cada canto, em cada palavra, em cada nota de sua vida.

Eu ainda te amo!! E nada me fará mudar de ideia, vou deixar a porta aberta caso queira voltar... nunca é tarde de mais para voltar atras, meu coração estar programado só para te amar...

8 comentários:

VELOSO disse...

Obrigado por me ajudar a carregar o Baú vai ser muito gostoso caminhar por seu escritos... Felicidade sempre!

Fєrnαndєz ♠♠ disse...

Relacionamentos acabam mas deixam em nós profundas marcas.

http://terza-rima.blogspot.com/

Aмbзr Ѽ disse...

gil, que coisa maravilhosa. quando decidimos ficar com alguem, e nao o 'ficar' que se usa hoje, estamos abrindo mão de um mundo pra criar outro. um mundo a dois que nao é facilmente dissolvido. adorei a covicção que vc tem ao falar do amor... com pureza extrema.


http://terza-rima.blogspot.com

Lidi Dias disse...

Flor!
Escreves com a alma!
O desprendimento de um amor,passa o tempo, passa as horas mas ele não vai embora de nosso peito e sim no tempo certo...
A sustentação do amor, o querer não parar de amar...
Como somos estranho no tal ponto de ser que "meio egoísta".
Aprendi uma coisa nessa vida,
Amar não é estar junto com a pessoa... e ver ela bem mesmo que distante...
Com carinho Lidi

Madonna disse...

Você escreve com a alma, parabéns pelo o lindo texto. Terminei um relacionamento a pouco mais que duas semanas, estou passando por momentos ruins, e com certeza o seu texto me deu um pouquinho mais de forças! Obrigada.

Estou seguindo com prazer, passa lá também:

www.umeternorecomeco.blogspot.com/

dja disse...

adorei o seu post e seu blog tbm, bjinhosss, e quando terminei de ler falei assim aqui comigo uiaaaaaaaaa rss. bjinhoss se cuida.

diariopoeticogotico disse...

Ola Gi Lindo poema que só poderia vir de uma alma pura e um coração esplêndido sem palavras muito belo bjs
O Poeta®

O Poeta Gótico® disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
 

'Sonho Perdido © 2008 . Design By: SkinCorner